Sobre a vergonha de ser quem é

Creio que o título já fale por si, mas escolhi este tema por acreditar que nós mulheres somos bombardeadas o tempo todo por capas de revistas, com seres perfeitos, corpos ideais, sarados, mulheres dotadas de seios e bundas perfeitas, desde a adolescência muitas de nós sofremos por não ter o cabelo liso como o de tal atriz da novela, ou a boca perfeita da Angelina Jolie, ou até mesmo os corpos super torneados das Kardashians, porém até onde vai esse extremismo com a beleza.

É triste colocar todas em um mesmo bolo e achar que uma mulher só tem valor se estiver dentro dos padrões de beleza, e por existir essa pressão da sociedade muitas de nós acabam sendo escravas disso, e por consequência tendo neuras extremas a ponto de não ficar nuas com os próprios parceiros, ou não ir a praia de biquíni por vergonha de ser quem é.

Eu acredito muito que se uma pessoa está com você em um relacionamento ou mesmo se é alguém que decidiu passar uma noite contigo, essa pessoa escolheu isso, então porque não aproveitar o momento sem se ligar a esses padrões absurdos, tenha mais confiança em você, em sua essência, cada mulher possui uma particularidade incrível, e são essas diferenças que fazem cada uma de nós um ser maravilhoso.

Quanto mais você se sentir de bem com seu corpo mesmo com todos padrões ao seu redor, mais feliz vai ser sua vida, sua conexão com seu eu e principalmente com o seu físico vai florescer e assim as experiências serão cada vez mais intensas, pois você não vai mais ter grilos nem amarras quanto a isso, se amar é libertador, nunca se esqueça que você é linda do jeito que é, sempre vai ter alguém que ama sardas, covinhas, cabelos crespos, olhos puxadinhos e por aí vai, e pra quem não gostar dessas suas características, paciência. A pessoa mais importante da sua vida é quem te olha todos os dias no espelho logo cedo, ou seja, você! Jamais se prenda a padrões,faça com seu corpo tudo aquilo que lhe faz bem e te da prazer, afinal a vida é uma jornada solitária onde o principal protagonista é você!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *